m Rádio Boa Música FM / Blog de Notícias e Streaming de áudio e vídeos: Setembro 2018

Siga nossa rádio.

Slide

Sharethis

câmera estúdio

câmera estúdio

Player Tv Streaming

Visitantes:

Seja bem vindo! Chame-nos no chat.

Fale conosco, estamos on-line!

Compartilhe nosso blog e programas ao vivo para seus amigos e familiares clicando abaixo nos botões

Compartilhe nosso blog e programas ao vivo para seus amigos e familiares clicando abaixo nos botões

Compartilha para diversas Redes Sociais

Anuncie Aqui!

Anuncie Aqui!

Galeria do Instagram

Minhas Redes Socais

Visitas

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Ney Matogrosso disse a Folha de São. Paulo não levantar bandeira gay e o pq.

Ney Matogrosso disse a Folha de São. Paulo não levantar bandeira gay e o porquê.




Ney Matogrosso é uma das pessoas mais incríveis que já pisou na face dessa terra. Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo ele falou sobre diversos temas incluindo política, direitos igualitários e minorias. Ao ser questionado se ele se considera representante de uma minoria ele deu uma resposta forte que promete levantar polêmicas:

“Eu não. Nunca peguei essa bandeira, não me interessa. Acho que eu sou útil assim, falando, conversando. Teve um encontro internacional gay no Rio, queriam que eu fosse presidir. Eu disse que não, não penso assim. Aí foi o Renato [Russo]. Tá certo, ele é quem tinha de ir, a cabeça dele era assim. Eu não defendo gay apenas, defendo índios, fiz um vídeo recentemente pedindo a demarcação de terras. Defendo os negros, que estão na mesma situação que viviam nas senzalas, estão presos aos guetos. Me enquadrar como “o gay” seria muito confortável para o sistema. Que gay o caralho. Eu sou um ser humano, uma pessoa. O que eu faço com a minha sexualidade não é a coisa mais importante na minha vida. Isso é um aspecto, de terceiro lugar”, disse na entrevista.

Em outro trecho ele ressalta que o mais importante na vida do ser humano é, obviamente, o seu caráter. “Ter caráter, ser uma pessoa honesta, de princípios, que trata bem as outras. Ser uma pessoa afetuosa, amorosa. Isso é mais importante do que com quem eu trepo. Sou benquisto e recebo isso nas ruas, das pessoas”.

Compartilhe nossas matérias e/ou artigos em suas redes sociais. Nos apoie!

Compartilhe já!