m Rádio Boa Música FM / Blog de Notícias e Streaming de áudio e vídeos: Janeiro 2021

play de música

câmera estúdio

câmera estúdio

Player Tv Streaming

Visitantes:

Chat On-Line (Botão Vermelho)

Fale conosco, estamos on-line!

Sharethis

Destaque

Destaque

PLYAER 2 COM VÍDEOS CLIPS - KS

Pesquise aqui seus interesses.

Banner do whats para ligação

Siga nossa rádio.

Compartilhe nosso blog e programas ao vivo para seus amigos e familiares clicando abaixo nos botões

Compartilhe nosso blog e programas ao vivo para seus amigos e familiares clicando abaixo nos botões

Compartilha para diversas Redes Sociais

Clique no botão Flutuando do Whats e ligue ao vivo

Reprises

Galeria do Instagram

Minhas Redes Socais

Visitas

OnSignal - Push Notification

quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

Almas Bem Vindas




Almas Bem Vindas


Dentre as surpresas chegadas.../ As almas se reconheceram./ Em corações de batidas aceleradas./ Sentiram e por fim se mereceram. / Dentre os impulsos conectados. / Os olhares se permitiram./ Entre sonidos badalados/ Simplesmente ali se ouviram./ Em instantes se aconchegaram.../ Com as volúpias infinitas./ E por fim se juntaram/ Com suas almas bonitas.


Marcos Piangers: eu sei que você quer, mas não existe alma gêmea

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

Victor Coimbra Por si mesmo



Victor Coimbra Por Si Mesmo


Moço que tece poesia.../ Ao fazer as palavras voarem./ Com doçura e maestria/ Faz a todos se encontrarem./ Moço que tem profissão.../ Mas que adora inventar.../ Sendo bacharel em comunicação/ Faz até gente se emocionar./ Moço de grande valor./ E que nas coisas simples acredita./ Ama espalhar o seu amor/ Através de sua escrita.







sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

Vantagens e desvantagens de ser MEI!

Fonte: Pinterest

 

Apesar de tudo que enfrentamos e continuamos a enfrentar com a pandemia instituída pelo Covid19, muitas pessoas sonham com o seu próprio negócio. Pensando nisso resolvi escrever este artigo com as vantagens e desvantagens de se tornar um microempreendedor individual.

 

O que é um MEI?

 

MEI é a abreviação de Microempreendedor Individual. Um novo conceito de empresa que permite ao profissional autônomo ou aquele que exerce seu trabalho por conta própria nas ruas ou em seu domicilio obter a formalização do seu negócio, de forma simples e com pouca burocracia.

O microempreendedor individual é uma pessoa que trabalha por conta própria e que resolveu se formalizar, tornando-se assim um empresário. Porém, deve certificar-se de que seu negócio se enquadra nas ocupações autorizadas. Para isso deixarei aqui um link para que você possa verificar, já que são muitas categorias fica inviável expor todas aqui neste artigo.

 

Link: https://www.gov.br/empresas-e-negocios/pt-br/empreendedor/quero-ser-mei/atividades-permitidas

 

Para se enquadrar nessa categoria, o microempreendedor deverá ter um faturamento máximo ao ano de 81 mil reais, 6.750 reais por mês. Poderá também contratar 1 funcionário e emitir nota fiscal.

A categoria MEI foi criada buscando regularizar as atividades de pessoas que trabalhavam por conta própria e que almejavam empreender. Muitos trabalhadores eram considerados ilegais e com essa lei, passaram a poder trabalhar de maneira legalizada.

Todas as normas, regulamentos e a lei que criou essa categoria podem ser consultadas acessando o Portal do Empreendedor, segue o link para acesso.

 

Link: https://portaldoempreendedor.me/mei-abrir?gclid=Cj0KCQiAjKqABhDLARIsABbJrGm6IgbOlv9ZyN2tlKzRYHSH8XpOxtEG9wrszUbvUWLDAxvLfhSYxPgaAm6JEALw_wcB

 

    Sem mais delongas vamos as vantagens de ser MEI:

1-      Baixo custo para abertura do negócio: Não há custo para abertura de CNPJ como MEI. Dependendo da categoria, as altas cargas tributárias são um empecilho para se empreender. Pelo MEI, não é preciso dispor de um valor mais alto para iniciar o negócio.

 

No entanto, é preciso recolher uma quantia fixa mensalmente, referente à impostos e contribuição previdenciária. Hoje esse valor corresponde a 5% do salário mínimo.

 

2-      Direitos previdenciários: Um dos medos de quem trabalha como empregado celetista é perder os direitos previdenciários. Saiba que o microempreendedor também tem acesso a eles, benefícios como: auxilio doença, aposentadoria por idade, salário maternidade, pensão por morte e auxilio reclusão. Estão embutidos no valor dos 5% do salário mínimo pagos mensalmente pelo empreendedor ao qual mencionei anteriormente.

 

3-      Registro de funcionário: O MEI pode contratar um funcionário, apenas um. A vantagem é que o custo para manter esse empregado é relativamente baixo.

 

Empresas enquadradas em outros regimes, o custo do funcionário pode ser alto, mas para o MEI o dispêndio é diferente. Esse funcionário custara 3% do salário mínimo (pago para a previdência) e 8% recolhidos para o FGTS, sobre o salário pago por mês.

 

4-      Declaração de renda simplificada: Toda empresa deve realizar a declaração de renda mensalmente. No MEI esse processo é facilitado, ou seja, os rendimentos devem ser declarados apenas uma vez ao ano.

 

Contudo, as contas devem sempre estar em ordem. O faturamento precisa ser controlado todo mês, desta forma no momento em que for realizar a declaração, tudo será realizado de forma fácil, ágil e organizada.

 

5-      Facilidade para obter crédito: O empreendedor registrado como MEI pode conseguir crédito mais fácil e com taxas diferenciadas em alguns bancos. Geralmente menores para incentivar o microempreendedor, facilitando o acesso ao crédito.

 

6-      Ser MEI e trabalhar no regime CLT ao mesmo tempo: Sim, é possível trabalhar como CLT e ter seu próprio negócio. Todo trabalhador celetista pode ter um registro como pessoa jurídica e prestar serviços para clientes e outras empresas de forma autônoma.

 

Assim, caso não acostume ou o seu negócio não der certo, basta dar baixa no cadastro de microempreendedor e continuar na CLT. Uma boa noticia para quem quer empreender mas tem medo de deixar o trabalho registrado e não colher os frutos desejado como empreendedor.

 

7-      Acesso a cursos gratuitos: Quem se enquadra nessa categoria pode ter acesso a cursos e treinamentos sem nenhum custo.

 

Instituições de incentivo ao empreendedorismo, como o SEBRAE e outras oferecem essas ferramentas para o MEI desenvolver-se profissionalmente. Alguns cursos são cobrados valores de matricula, atente-se as informações de gratuidade e valores respectivos.

 

A verdade é que são muitas as vantagens, e as desvantagens? Elas existem? Calma, já vamos falar sobre elas:

 

1-      Limite na renda anual: O microempreendedor individual não pode ter um faturamento anual superior a 81 mil reais. Desta forma, fica difícil expandir os negócios e empreender mais, sendo necessário fazer adequação de categoria e desse modo, perde-se alguns benefícios do enquadramento como MEI.

 

2-      Limite na contratação de empregados: Para aqueles que desejam expandir seu negócio e contratar mais funcionários, isso não será possível pelo MEI, já que poderá ter apenas um empregado contratado.

 

3-      Limite de crescimento da empresa: Se o MEI crescer muito, o empreendimento deverá se enquadrar como microempresa ou empresa de pequeno porte. Caso seu negócio cresça, deverá migrar para uma nova categoria tributária, perdendo os benefícios do MEI.

 

O MEI possui suas vantagens e desvantagens, porém, é indiscutível que essa categoria é uma opção interessante para quem quer começar a empreender e trabalhar por conta própria. Tirar aquele projeto do papel e se tornar patrão pode estar a poucos passos e o MEI é a forma mais rápida e pratica para isso.

Caso queira começar a empreender ou formalizar-se, vale a pena verificar se o que você deseja fazer se enquadra como MEI. O processo é simples, rápido e pode lhe trazer muitos benefícios abrindo inúmeras possibilidades.

Espero que este artigo tenha contribuído de alguma forma, seja esclarecendo alguma dúvida ou lhe trazendo informações que lhes eram desconhecidas.

Tem alguma dúvida sobre esse tema ou algum outro assunto já abordado por mim nos artigos aqui postado? Deixe seu comentário, será um prazer esclarecer as suas dúvidas. Grande abraço, te aguardo nos próximos artigos!

 

 

By Tony Macêdo




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

“Believe”, álbum de Andrea Bocelli, já está disponível para pré-venda!

Foto: Divulgação.


    No mês novembro, o renomado e, mundialmente, famoso tenor italiano Andrea Bocelli lançou o seu álbum “Believe” (https://umusicbrazil.lnk.to/BelievePR). Agora, a versão física do projeto também está disponível para pré-venda. Saiba mais em: https://www.umusicstore.com/cd-andrea-bocelli-believe-deluxe-cd-cd-andrea-bocelli-believe-1630/p .

    O projeto é uma celebração do poder da música para acalmar a alma. Ele é acompanhado no disco por Alison Krauss, a cantora mais premiada da história do Grammy, em uma interpretação poderosa e emocional de “Amazing Grace”.

    Este lançamento segue a performance recorde de Bocelli no “Music for Hope”, na Páscoa, na histórica Catedral Duomo, em Milão, que foi assistida ao vivo por milhões de pessoas em todo o mundo. O novo álbum também apresenta dois duetos com a cantora de ópera Cecilia Bartoli, uma faixa inédita do falecido e grande compositor italiano Ennio Morricone, bem como “Gratia Plena” – a música de encerramento do novo filme aclamado pela crítica, “Fatima”.




Texto: Luciana Bastos.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

Papo sobre Cinema!

Fonte: Pinterest



    Boa tarde pessoal!

    Eu estou triste de tanto rir, mas isso só por saber que Netflix entre Domingo e Quarta tirou nosso filme do catálogo e quem não viu não vai rir loucamente. 

    "Tudo que você fez com suas amigas nós fizemos melhor". As vezes aparecem uns filmes que jogam umas frases dessas e no fim você fica procurando essa superioridade toda durante anos, tipo o "Atermis Fowl" assim sabe? Mas sinceramente, Ryan Pierce tem razão, elas estão em outro nível. hahahahaha...

    Girls Trip (A viagem das garotas/amigas), é dirigido por Malcolm D. Lee (sim mais um negro), e o cara manja dessas comédias negras, ele é diretor por exemplo do fantástico filme "Com a Cor e a Coragem" e alguns muitos outros filmes negros do gênero comédia que eu duvido você não gostar, e desse aqui você vai gostar, tenho certeza!

    É difícil não dar spoilers, mas vamos dizer que o começo do filme, não entrega de jeito o que as próximas 2h te reservam, nós temos uma mulher negra escritora bem sucedida, Ryan Pierce (Regina Hall), com um casamento perfeito cheio de sorrisos (porque casou com o Lucke Cage, que estava fingindo ser jogador de futebol americano), pronta para fazer uma viagem e fechar um novo negócio, porém com saudade das grandes amigas que ela acabou abandonando, então ela convida as amigas para curtir um festival em Nova Orleans, juntas elas se denominam "As Poderosas", time esse formado por: Lisa Cooper (Jada Pinkett Smith), Sasha Franklin (Queen Latifah), que vale dizer aqui que eu amo de mais e me lembra muito uma Tia minha, que o Senhor Ryck Bastos conhece, hahaha... e a Alma do filme Dina (Tiffany Haddish).

    Apesar de deixar claro que a Dina é a melhor personagem, o pé para todas as piadas do filme e que te faz esquecer de todo resto da tela quando está em cena só para ver a reação dela, o filme e todos os personagens funcionam muito bem, essas mulheres conseguem mudar o tom do filme de forma magistral entre comédia e drama, Stewart Pierce(Mike Colter) porque, enfim o filme é delas e ele é babaca, contrário a Julian Stevens (Larenz Tate) que é um verdadeiro homão mas também não vou falar mais dele, hahaha...

    Enfim temos diálogos recheados de palavrões e frases inteiras de cunho sexual, oque NÃO É UM PROBLEMA, homens falaram palavrão, falam sobre sexo e o que dizem que fazem com as mulheres o tempo todo e ninguém reclama (tirando um presidente aí que só sabe mesmo falar em matar e depois que mata finge que não falou ou fez oque fez né), então elas vão falar e vocês vão gostar, aliás tem uma sequência aqui que… chuva de prata é tudo que eu posso dizer, mas é incrível, hahahaha...

    Há também a cena de dança e na moral, irmãos Wayans suas "Branquelas" dançam mais que patricinhas brancas, mas não mais que essas mulheres, e não reclamem porque mulher negra americana ataca onde dói, no seu carro hahahaha (só os melhores vão entender essa chuva de referências, uma dica não são do filme por que aqui quando quebra um vidro é para ameaçar um babaca com uma garrafa, hahaha).

    Infelizmente nem tudo é maravilhoso né, existe uma piada recorrente em comédias americanas que apesar de não ser exclusivamente negra me incomoda profundamente, é estou falando da maconha, não me julguem mal, eu não tenho problema nenhum com quem fuma, fora claro que no meu caso o cheiro me faz passar mal, isso também acontece com cigarro inclusive, mas enfim. No caso dos filmes negros me incomoda muito pensar que principalmente lá nos EUA o uso da maconha foi vinculado ao negro como uma forma de marginalizar todos os afro americanos e na minha visão, manter todo negro vinculado a maconha nos filmes e ainda a escondendo, mesmo que muito engraçado não me cai nada bem. Eu sei eu sei, a cultura lá é diferente, tem lugares onde é legal e boa parte da população lá já fumou pelo menos na faculdade, mas sei lá, se é legal então porque tem sempre alguém escondendo? E porque quando tem branco junto eles normalmente dizem não gostar e depois ficam bem loucos como se o negro fosse a tentação que vence sabe.

    Eu ainda estou chateado pelo filme não estar mais no catálogo mas posso dizer que ele já muito faz parte do meu Top10 de comédias e não é um 10° nem a pau, por falar nisso, cuidado com suco de toranja, aparentemente ele arde muito, hahahahahahahahahahahahahaha...



Por: K. Kong




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

Ar Rarefeito





Ar Rarefeito


O verde quer respirar/ Pediu socorro pro mundo./ Está morrendo sem ar.../ Pelo luto profundo./ O verde quer salvar.../ Seus filhos que agonizam/ À espera do que há/ Suas dores não amenizam. / O verde vai lutar.../ Ainda nele há esperança./ E com lágrimas à derramar/ Fica somente a lembrança.



Fotos de Ar, imagem para Ar ✓ Melhores imagens | Depositphotos®

“Mistura” é o novo projeto do cantor Gustavo Mioto, que traz ícones do forró como participações especiais!

Foto: Divulgação.


    Com novas versões de sucessos da música nordestina, o “Volume 1” apresenta Dorgival Dantas, Calcinha Preta e Raí Saia Rodada.

    Gustavo Mioto é aquela aposta vencedora da música brasileira. O garoto de Votuporanga, cidade do interior de São Paulo, que cresceu com o sonho de ser um cantor reconhecido no país, se tornou um fenômeno do sertanejo, com mais de 2 bilhões de visualizações em seus vídeos no YouTube, mais de um hit no topo das mais executadas do Brasil, e já teve sua música entre as 50 musicais mais virais do mundo.

    Novo contratado da Universal Music, Gustavo lançou o projeto “Mistura”, que une a deliciosa batida do seu sertanejo pop com ritmos de sucesso. Para começar com o pé direito, o “Volume 1” traz artistas consagrados do forró e peças importantes da cultura musical brasileira. Dorgival Dantas, Calcinha Preta e Raí Saia Rodada foram os artistas escolhidos para representar um dos maiores movimentos musicais do mundo.

    Composto por nove músicas, o repertório de “Mistura – Volume 1” é repleto de sucessos e faixas inéditas com potencial para hit nacional. Junto de Gustavo, Dorgival Dantas representou “Contramão” e “Tarde demais”, duas músicas já aclamadas pelo público. O quarteto Calcinha Preta se dividiu e, em duplas, deu voz às canções “A Lua e eu” e “Hoje à noite”, enquanto o irreverente Raí Saia Rodada interpretou “Fake news” e “Ama ou não ama”.

    Para finalizar o álbum, que chega completo nos aplicativos de música, Gustavo Mioto apresenta “Com ou sem mim”, sucesso do artista com quase 300 milhões de visualizações no YouTube, e as apostas inéditas “Abre a porta” e “Melhor negócio”.

    Gustavo Mioto é um dos artistas brasileiros recordistas quando o assunto é crescimento musical. Seu nome circula sempre entre os mais ouvidos nas rádios e aplicativos de música. Atualmente, ele acumula mais de 2,3 bilhões de visualizações em seu canal oficial, no YouTube e 3,3 milhões de ouvintes mensais, nas principais plataformas de streaming.




Texto: Luciana Bastos.



Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

Criss Massa e sua banda com Roda de Samba “O Samba é da Massa”!

            Fotos: Divulgação.


    Evento acontecerá, no dia 22\01, a partir das 21h, no bar Alma de Boêmio, de Campo Grande.

            A cantora Criss Massa e sua banda receberão os fãs da cantora e amantes de uma boa roda de samba, com boa música e um cardápio variado de petiscos deliciosos. Está aí uma combinação perfeita para o carioca se divertir, de forma saudável e segura. E tudo isso acontecerá, no dia 22\01, no bar Alma de Boêmio, a partir das 21h, em Campo Grande.

Nesta noite, Criss receberá dois convidados. Diretamente, de Porto Alegre, virá o passista Jamys Ferraz. A outra convidada será a passista da Mocidade Independente de Padre Miguel – Luana.

            Fotos: Divulgação.


            Já, no dia 29\01, a partir das 21h, Criss Massa e banda realizarão a roda de samba, no bar Alma de Boêmio, em Vila Valqueire. Os convidados do show serão Joarez do Quafá e a passista da Mocidade Independente de Padre Miguel – Luana.

            Os dois espaços, atendendo às normas e critérios de segurança sanitária, reduzirão em 50% o número de pessoas (clientes) e as mesas terão uma distância de 1,5M e com álcool em gel. Além destes cuidados, para a alegria dos presentes, Criss Massa fará um lindo show para elevar a alma do carioca, que é alegre por natureza.

            Serviço:
            Evento: Roda de Samba “O Samba é da Massa”.
            Local: Bar Alma de Boêmio.
            Endereço: Estrada da Cachamorra, 782, Campo Grande.
            Horário: A partir das 21h.
            Classificação: 18 anos.

            Evento: Roda de Samba “O Samba é da Massa”.
            Local: Bar Alma de Boêmio.
            Endereço: Rua das Rosas, 227, Vila Valqueire.
            Horário: A partir das 21h.
            Classificação: 18 anos.




            Texto: Clilton Paz.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

Grandes nomes do jornalismo musical se reúnem em curso on-line!

Foto: Divulgação.


    No curso “Quem é que vai ler isso?”, os renomados profissionais ensinam como ser um jornalista musical nos tempos do streaming.

    Como transformar festivais, álbuns e músicas em conteúdo? Como levar sua reportagem para além do texto, produzindo vídeos, podcasts e entrevistas? Como se relacionar com artistas, gravadoras/selos, empresários e assessores?

    Essas e outras questões serão abordadas no curso “Quem é que vai ler isso?”, que será ministrado por cinco renomados jornalistas e críticos musicais: Adriana da Barros, Braulio Lorentz, Pedro Só, Sergio Martins e Silvio Essinger. Com passagens pelas principais redações do Brasil, eles resolveram elaborar um curso para ensinar, na teoria e na prática, como ser jornalista musical nos tempos do streaming.

    Realizado entre os dias 18 e 22 de janeiro de 2021, sempre às 19h30, o curso "Quem é que vai ler isso?" contará com cinco aulas ao vivo e on-line, com duração de três horas cada.

    As aulas, que contarão com a participação dos alunos, são destinadas a fãs de música, estudantes e jornalistas em busca de especialização. Para inscrição acessem o link:  https://www.sympla.com.br/quem-e-que-vai-ler-isso-jornalismo-musical-nos-tempos-do-streaming-teoria-e-pratica__1085002 .




Texto: Luciana Bastos.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

sábado, 16 de janeiro de 2021

Jojo Maronttinni conta com a participação de MC Du Black no lançamento de seu novo single e videoclipe, “Dominada”!

Foto: Divulgação.



    Jojo Maronttinni contou com a colaboração de MC Du Black no lançamento de “Dominada”, seu novo single. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DominadaPR . A faixa é uma composição de Jojo e de seu colaborador frequente, DJ Batata, que também assina a produção da música. Contando com direção da Tiago Lima Produções, o videoclipe oficial também já pode ser conferido. Acesse: https://www.youtube.com/channel/UCN9t0yIjh0SBpWTtl4h2O6g .

    Em setembro, Jojo lançou a música “Devo tá na moda”, contando com a colaboração do DJ Batata. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/DevoTaNaModaPR . A faixa faz referência àquelas pessoas que criticam, falam mal, mas não perdem seus stories e não param de seguir, sem deixar de mostrar comentários positivos que ela recebe em suas redes.

    Em outubro, Devo tá na moda” ganhou duas versões remixes, uma assinada DJ Mauro Mozart (https://umusicbrazil.lnk.to/DevoTaNaModaRemixPR) e um mashup remix da     mesma faixa com “Acordei  Gostosa”, assinado  pelo DJ VMC (https://umusicbrazil.lnk.to/DevoTaNaModaAcordeiGostosaVMCPR). Este último ainda chegou com videoclipe. Assista aqui: https://youtu.be/mt57TuaqGKw .

    Com a sua voz e carisma, Jojo Maronttinni conquistou o Brasil e o mundo com o hit “Que Tiro Foi Esse”, lançado em dezembro de 2017, hoje com mais de 233 milhões de views no canal Funk Hits. Assista aqui: https://youtu.be/Qw4uBk7DOa8 .




Texto: Luciana Bastos.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

Eu, Chris & Taís disponibilizam o single “Ninguém Igual” em todos os aplicativos de música!

Foto: Divulgação.



    O label Astronauta continua seu projeto Astronauta Singles (que comemora 21 anos de existência do tradicional selo) e, desta vez, lançou nas principais plataformas digitais o single que marca a retomada da dupla Eu, Chris e Taís – formada em 2008, pelas cantoras e compositoras Chris Fuscaldo e Taís Salles. Depois de oito anos de hiato, elas retornaram aos palcos e ao estúdio, em 2019.

    “Ninguém Igual”, de autoria de Chris Fuscaldo e Taís Salles, é interpretada pela dupla de curioso nome, que parece um trio. As duas contam o motivo dessa escolha inusitada: “É que a gente adora ter convidados, tanto no palco quanto no estúdio. E aí quem chega vira o ‘Eu’ da dupla”, contam Chris e Taís. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/NinguemIgualPR .

    A gravação de “Ninguém Igual” conta com as participações do jornalista e músico Leandro Souto Maior (violão 12 cordas e dobro), o multi-instrumentista Felipe Fuscaldo (contrabaixo) e do ator e músico Dudu Azevedo (bateria).

    A ideia inicial era lançá-la, no início de 2020, mas devido aos efeitos da pandemia, somente agora a música está chegando ao mercado. A canção foi produzida por Leonardo Rivera e pelas duas artistas. A faixa foi gravada e mixada, em dezembro de 2019, com o engenheiro de áudio Cezar Delano, no estúdio da Warner Chappell, na Gávea, Rio de Janeiro, a convite do projeto.




Texto: Luciana Bastos.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Papo sobre cinema!

Fonte: Pinterest



    E ai pessoal como vocês estão?

    Eu sei que 2020 já acabou, mas como ele não foi feito só de coisa ruim resolvi conversar com vocês também sobre o Melhor filme de 2020

    Eu quase quase quase vim falar sobre O Resgate ou O Poço, mas o filme do Ano vai além da ação lindamente coreografada ou da história interessante e repleta de simbologia e claro, só poderia ser um filme dirigido por um mestre que na real sim tão importante quanto Scorsese, Spielberg e esses outros monstros que são falados o tempo todo.

    "Eu acho que, os Estados Unidos nos deve, nós construimos essa merda!" Pois é Norman dívida histórica é um ponto em tudo que o Brasil também nos deve, construímos e fizemos história aqui mas são os colonizadores que tem estátuas e imagina você que aqui homens e mulheres negros que estão nos livros de história são mostrados como brancos.

    Sim, eu estou falando de um filme directed by Spike Lee, que fala sobre a guerra do Vietnã como você com certeza nunca viu. Da 5 Bloods (Destacamento Blood), é como um Headshot a queima roupa por dois motivos, o seu claro posicionamento e a época que ele foi lançado, falar abertamente sobre o quão ruim foi a escolha do atual Presidente e criticar firmemente a Guerra em que os EUA teimam em fingir que ganharam onde no fim das contas a única coisa que o país fez foi jogar vidas negras para morte bem durante o momento em que os protestos contra o racismo estouraram no país? Isso foi lindo.

    Mas não é só isso que torna esse o melhor filme, Spike Lee tem o jeito, ele sabe fazer bem o trabalho dele e aqui ele mostra muito bem isso. Cada escolha de enquadramento nas câmeras que param quase um minuto que revelam símbolos específicos, vídeos e fotos reais mostradas durante o filme, na estética ou mesmo na mudança de proporção da tela, primeiro variando de 16:9 durante todo o primeiro ato, 4:3 nas lembranças e abrindo totalmente a tela no terceiro ato.

    A trama mostra a jornada de 4 veteranos que voltando ao Vietnã oficialmente para buscar os restos mortais de seu companheiro e comandante Norman, nossa saudoso Chadwick Boseman, mas extra-oficialmente também foram buscar o ouro que esconderam lá na época da Guerra.

    Durante esse percurso o filme faz questão de falar algumas verdades, como por exemplo o fato de termos heróis cinematográficos como Sylvester Stallone e Chuck Norris, mas quem realmente lutou foram os negros, a escolha infeliz do Presidente Americano e ainda com apoio de alguns negros como por exemplo Paul (Delroy Lindo), que é um dos veteranos, um homem visivelmente atormentado pela guerra que ainda acaba reproduzindo todo tipo de pré conceito e toda aquela superioridade Americana dos que gostam de sempre se dizer os melhores dos melhores do mundo e ter suas próprias versões de tudo (Americanos de verdade sabe), ele também é protagonista de um ótimo monólogo (sim tem espaço para um monólogo no filme), onde ele durante uma crise de loucura não fala sozinho ele fala diretamente com a câmera e aí eu deixo a cargo de cada um de vocês saber se ele está falando contigo ou não.

    E por falar em racismo, chega a doer saber que os soldados brancos ensinavam os vietnamitas a não gostar dos negros, porque escravizar, marginalizar e mandar para a morte não é o suficiente, tem que fazer todo o mundo não gostar de negros, mas o filme não mostra só a tristeza dos soldados negros americanos, existe uma humildade aqui em mostrar também que os viatnamitas também sofreram e ainda sofrem por conta da guerra, uma cicatriz assim como a nossa que ainda sangra.

    O filme dá muita atenção para Paul o que faz sentido pois é o mais traumatizado dentre os personagens porém eu particularmente gosto bem mais do Iris (Clarke Peters), ele é o pé no chão do presente do filme, assim como Norman é no passado mas não tão poderoso como ele. E por falar em Norman o roteiro e a direção são muito inteligentes em não só falar o quanto ele era especial mas também fazer questão de mostrar, ele é o líder dos Black Panther, é Mohamed Ali, Malcon X e ao mesmo tempo é Martin Luther King e está morto no filme pois seria impossível ter todo esse poder na tela e o filme ter uma história hahahaha o cara é demais. 

    Acho que falei demais já, mas gostaria de ainda ressaltar a trilha sonora maravilhosa e certeira que hora traz de propósito músicas dos filmes de guerra de gente branca e hora traz sons dignos da Blaxploitation, dizer que eu poderia falar sobre esse filme por horas e contar a quantidade de vezes que ele repete o descontentamento pelo Presidente laranja e por fim… Spike Lee fez mais um filme de guerra tão bom quanto os filmes de guerra dos outros, o filme vai ser premiado ou a Academia vai encontrar mais um filme de alguém dirigindo um carro para dar o Oscar no lugar dele?

Solid!



Por: K. Kong



Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Olhos do coração



Olhos do coração


Os olhos do coração.../ Piscaram a luz da alma./ Em uma manhã de verão/ Nos guardou em sua palma./ Os olhos do coração.../ Refletiram um lindo amor./ E como suspiros de algodão.../ Nos mostrou um lindo ardor./ Os olhos do coração.../ Com sua leveza, nos acarinhou/ Como flecha que acerta a direção/ Juntinho nos deixou.



Coração apaixonado | Vetor Premium

Bryan Behr apresenta seu novo single e videoclipe, “O amor descansa na varanda”!

Foto: Divulgação.



    A calmaria de uma represa, os pássaros voando é a trilha sonora perfeita para a paz que a natureza passa. Assim, é o vídeo de “O amor descansa na varanda”, novo single de Bryan Behr. Assista agora: https://youtu.be/BqkY6X4QrXQ . A faixa já está disponível em todos os aplicativos de música e é o segundo lançamento de novo projeto do cantor, previsto para estrear em dezembro. Ouça e baixe aqui: https://umusicbrazil.lnk.to/OAmorDescansaNaVaranda .

“Será que vai dar pé? Será que nasce flor? Seja o que Deus quiser, mas que Deus queira amor” é o refrão leve e chiclete entoado por Bryan em um passeio de barco. No vídeo, codirigido pelo próprio cantor, Bryan transmite sinceridade e fé, o sentimento mais puro existente com o verso “Prata reluz e ouro brilha, mas só o amor é que me compra”.

“Eu compus ‘O amor descansa na varanda’ voltando de uma das minhas viagens para São Paulo. Foi uma das primeiras vezes que eu entendi como funcionava ser artista no Brasil. Eu era muito fantasioso com muita coisa, então foi a primeira vez que eu tomei um choque de realidade e me senti intimidado em ter uma carreira artística e viver de música. O refrão traduz isso com ‘Será que vai dar pé, será que nasce flor, seja o que Deus quiser”, conta Bryan.

“Eu gosto de deixar a música falar por si só e no arranjo de estúdio com a música pronta ficou visível pra mim essa coisa da água, da natureza e até da pesca. Não sei explicar, mas ela tem um ar de interior também por isso que eu acho que é uma canção tão forte e poderosa, porque tudo nela é muito verdadeiro... A história, o lugar em que gravamos é o que eu mentalizei enquanto compunha, então acho que tem alguma coisa de especial nela”, completa.

    “O amor descansa na varanda” é o segundo lançamento do mais novo EP do cantor, que será lançado em dezembro. Além da faixa, o single já lançado “De todos os amores” (https://umusicbrazil.lnk.to/DeTodosOsAmoresPR) também faz parte do projeto, que contará ainda com mais três canções inéditas. O EP é o primeiro capítulo de uma nova era para o cantor, que se desdobrará em 2021 com muitas novidades.




Texto: Luciana Bastos.




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

sábado, 9 de janeiro de 2021

PORQUE OXUM CHORA?

PORQUE OXUM CHORA?




A mudança na energia do ambiente quando Oxum está
presente é perceptível. Algumas vezes durante a 
incorporação, Oxum chora, este é um sinal de que ela se
compadece da dor e das dificuldades que os presentes
possam estar atravessando e só se tranquiliza quando sua
missão de limpeza fluídica é concluída.
O seu canto e seu choro são consequências do ambiente ou
dos sentimentos das pessoas que ela vai ajudar, que podem
estar tristes ou angustiadas. Neste caso, a combinação do
canto (mantra) com o choro se torna uma ferramenta efetiva
para o descarrego das pessoas necessitadas.
Porque Oxum chora?    
Oxum chora porque ainda há no mundo muita feiúra. Oxum é o Orixá da beleza e da perfeição. Seu mundo é o mundo do que é belo e perfeito. Quando Oxum deixa de olhar seu espelho para olhar para o mundo dos homens, ela chora e chora, e de seu choro se faz uma cachoeira de amor e bondade que limpa a terra do que de feio e imperfeito o homem pôs nela. É por isso que Oxum chora. Para que o mundo dos homens seja, então, um mundo de maior beleza e perfeição.  
Autor desconhecido. 
Aieieô Oxum! Sarava!

quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Papo sobre cinema!

Fonte: Pinterest



    Sejam Bem vindos a 2021!!!

    Os problemas ainda não sumiram, mas vamos esperar que eles desapareçam logo e levem junto o filme de hoje. Amém!

    "Eu não vou fazer nada sem a sua permissão" o babaca disse isso enquanto apalpava os seios da moça e mantinha ela em cativeiro.

    Bem bem bem, eu pensei muito mesmo em fazer minha lista de melhores e piores filmes de 2020 mas no fim das contas porque fazer uma lista de piores não é mesmo? Todos os filmes que coloquei nessa lista na minha opinião ainda poderiam ser assistiveis, em comparação ao primeiro lugar da lista, nesse caso resolvi que meu ódio e minha decepção por esse filme não deveram poupar linhas para tentar protegê-los de se expor a tamanho absurdo, estou falando do filme 365DNI.

    Netflix, qual foi o cogumelo que você comeu para aceitar colocar esse troço no seu catálogo? Tudo bem, todo mundo erra, me lembro que quando vi a saga Crepúsculo achei que tinha chego ao fundo do poço, mas aí veio 50tons de cinza e eu vi que não, dava para descer mais, mas aí agora me vem esse LIXO (palavra que eu achei que nunca iria usar me referindo a um filme), é surreal que alguém ou melhor que alguma mulher consiga gostar de 365DNI, é literalmente inconcebível a ideia de que um livro com essa história seja bem quisto para começo de assunto, quanto mais um filme.

    Dito tudo isso, bora falar do filme não é mesmo?

    Bom, devo dizer que o começo do filme já entrega a falta de qualidade narrativa que teremos aqui, temos pessoas falando de algum negócio em uma lage no meio de alguma praia aparentemente longe de tudo e cercados por seguranças e um cara olhando uma mulher usando binóculos e depois de um diálogo nada a ver, um tiro, sangue, uma morte ou duas e atores que não sabem nem fingir que são seguranças direito e optam por ficar se movendo como barata tonta. Depois disso o filme resolve apresentar os personagens principais da forma mais confusa possível e quando você entende o que tá rolando a sequência toda já acabou, isso tudo seria reparável até se o filme não falasse sobre um boy, macho escroto, metido a mafioso que sequestra e abusa de uma mulher que por sua vez sofre de síndrome de stockholm e pior, o filme ainda tenta glamourisar tudo isso.

    Don Massimo é um abusador, rico, mimado branco, machista, o típico combo desagradável completo sabe? Mas aqui ele é um máximo "há… como você pode afirmar isso K? Você pode ter interpretado errado"

    É em outros casos eu concordaria, por exemplo 50tons de cinza, que apesar de ser um filme ruim, tudo aquilo que está lá faz parte da realidade de uma comunidade que sabe que tem preferências diferentes e respeita as pessoas que não tem e por tanto realmente só fazem com as pessoas aquilo que elas querem, por tanto tudo bem colocar uma música legal durante umas chicotadas e etc, mas quando um filme mostra um cara obrigando uma mulher a colocar o seu pênis na boca enquanto faz contra ponto com outra mulher se masturbando e fecha o combo com uma música provocante… Jura que um estupro é tão gostoso e exitante quanto uma masturbação feminina? Tudo isso claro sem contar que a frase do começo deste texto é dele e vai entender o porquê essa frase existe, porque se tem uma coisa que esse cara faz durante o filme é tocar nela sem permissão.

    E o que dizer sobre Laura Biel? Uma mulher com pouca roupa, falas babacas, desmaios sem sentido, síndrome de stockholm, profundidade zero e inteligência zero, maluco ela tenta provocar o sequestrador dela indo de roupão no quarto dele, faz sentido uma mulher que agora a pouco queria fugir e que não quer nada com o cara fazer uma burrice dessas?

"Para K, você está exagerado o filme mostrou que ela foi começando a gostar do cara aos poucos"

    Sério mesmo? Ela foi começando a gostar do cara que sequestrou ela, abusou dela mais de uma vez e não apresenta nenhuma atitude agradável durante o filme todo, beleza me conta outra.

    365DNI é um filme que não deveria existir e imagino de verdade que os atores deveriam ter vergonha de ter feito, e a diretora bem como a escritora deveriam pedir muita desculpa e até mesmo ajudar vítimas de estupro só por terem pensado em criar esse troço! E não me venham falar que gostaram do filme não, por que não existe uma mulher nesse mundo que deseje ser sequestrada e abusada assim como muitas falavam que amavam o Cristian Grey, mas de forma alguma queriam levar um tapinha no bumbum na hora H.

    Mulheres vocês merecem respeito, merecem vidas livres, não é feio e nem mesmo fraqueza ou mimimi denunciar abusos de qualquer tipo, não é porque um cara é seu marido que ele pode fazer oque quiser e quando quiser com você (frase que aliás também está no filme), esse tipo de filme não é picante ou erótico é ofensivo e desagradável e só torna nós homens, babacas, escrotos e nojentos, criaturas piores e mais abusivas, afinal "se o filme dirigindo por uma mulher que vem de um livro feito por uma mulher está dizendo que tudo bem aquilo ali então tudo bem na vida real também, certo?" Não!

    Em 2021, digam NÃO a todo tipo abuso.



Por: K. Kong




Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

Compartilhe nossas matérias e/ou artigos em suas redes sociais. Nos apoie!