Pular para o conteúdo principal

.

.

Assista nossa Transmissão ao vivo aqui, clicando no Player. Atualize sua página se for necessário.

Audiência

.

.

Fale conosco, estamos on-line!

.


PLAYER / PROGRAMAS E VÍDEOS CLIPS - DESTAQUES

.

Tradutor

.

Pesquise aqui seus interesses.

.

Ligue ao vivo em nossa rádio e fale conosco.

Reprises

Siga nossa rádio.

Curta nossa Página no Facebook.

Dani Coimbra canta no #ZiriguidumEmCasa pelos 70 anos de carreira de Dóris Monteiro!

Fotos: Divulgação.



    Cantora carioca "resgata" músicas e épocas importantes da MPB em novo trabalho.

    A cantora carioca Dani Coimbra, uma das mais importantes vozes da MPB, nos dias de hoje, canta "Meu Guarda Chuva", para homenagear Doris Monteiro, na 20ª edição do Festival ZiriguidumEmCasa, no próximo dia 27/03, às 20h, pelo YouTube, ao lado de nomes como com Carol Saboya, Claudette Soares, Claudio Lins, João Cavalcanti, Joyce Moreno, Marcos Sacramento, Marcos Valle, Moyseis Marques, Oswaldo Gusmão, Patrícia Alví, Pilar, Quarteto Linha, Ricardo Silveira, Roberta Sá, Roberto Bahal, Rodrigo Faour, Sargaço Nightclub e Sônia Delfino.

    A música sempre esteve presente na vida de Dani Coimbra, através dos LPs que seus pais ouviam de grandes cantores da MPB. Muitos deles de extrema importância para a profusão de ritmos que inspiraram e marcaram tantas épocas. Mas as mudanças socioculturais deixaram alguns desses trabalhos esquecidos. Pensando nisso, Dani Coimbra resolveu "resgatar" essa riqueza da MPB e cantores/músicas que são responsáveis por muito do que se canta hoje. O primeiro single do projeto chega em breve em todas as plataformas digitais.

  Por coincidência, o Festival ZiriguidumEmCasa a convidou para a 20ª Edição em homenagem aos 70 anos de carreira de Dóris Monteiro, descrita por críticos musicais como a cantora que tem a "bossa de quem já nasceu sabendo" e símbolo da "modernidade já atemporal" no universo da música brasileira.

 Pioneiro na organização de festivais de lives durante o isolamento social, #ZiriguidumEmCasa foi uma iniciativa de Claudio Lins com o jornalista Beto Feitosa e começou na primeira semana de pandemia, quando os teatros foram fechados. O Festival seguiu com a adesão de Ana Paula Romeiro e Maria Braga na produção.

   #ZiriguidumEmCasa também foi pioneiro na preocupação de buscar uma remuneração para os artistas, abrindo uma conta para colaborações espontâneas do público durante as lives. Nessa edição, por sugestão da própria Dóris, metade da verba arrecadada será destinada para o Retiro dos Artistas. As doações voluntárias podem ser feitas através do QR Code que vai estar no vídeo durante a exibição dos artistas ou pelo link https://pag.ae/7WZY1-N9t.

    O Festival já apresentou nomes como Leila Pinheiro, Baby do Brasil, Emanuelle Araújo, Biquíni Cavadão, Marcos Valle, George Israel, Benito di Paula, Pedro Luís, Roberta Campos, Roberta Sá, Zé Renato, Pedro Luis e Isabella Taviani. Artistas como Ivan Lins, Joyce Moreno, Lucinha Lins e Jane Duboc estrearam no formato live no festival que também se esforça em descobrir e valorizar novos nomes.

    #ZiriguidumEmCasa está entre os finalistas em duas categorias do Prêmio Profissionais da Música: Festival de Música Independente e Festival de Música Online.



Texto: Paula Ramagem.



Se esse conteúdo foi útil para você, deixe seu comentário, participe, inscreva-se, dê um like e compartilhe em suas redes sociais.

Comentários

Compartilhe nossos artigos e matérias em suas redes sociais.

Postagens mais visitadas deste blog

Renan Kneipp, uma das apostas da música pop/R&B brasileira, acaba de lançar seu primeiro EP, '1/4'!

Fotos: Tarricone.   Novo artista da música pop brasileira, Renan Kneipp acaba de lançar seu primeiro EP, '1/4', com os singles 'Save the Little Boy' e 'Carente', além de 3 músicas novas que não vão sair da sua cabeça.   Renan Kneipp, finalmente, lançou seu primeiro EP, '1/4', que vem sendo trabalhado desde março, com o lançamento dos singles contagiantes Save the Little Boy e Carente. O projeto conta a história de uma pessoa em busca de própria identidade enquanto vive experiências marcantes e sensíveis no mundo real. Tudo isso com bastante energia e autenticidade enquanto o cantor explora combinações e ritmos diferentes. Agora, com o lançamento de '2 de janeiro', 'A Gente Se Vê' e 'Santo', o artista conclui a narrativa do projeto apresentando um novo lado seu: um lado sensível e independente com boas expectativas para um novo ciclo, enquanto celebra a jornada de seus 25 anos.  '1/4' é uma história que todos nós conseguimo

The Realness Festival: Vencedoras de RuPaul’s Drag Race All Stars, ALASKA THUNDERFUCK e KYLIE SONIQUE se apresentam no Brasil em 2022!

Fotos: Divulgação.   Prometendo ser o maior festival drag da América Latina, evento também receberá nomes como Jujubee, Trinity K Bonet, Denali Foxx, Tatianna, Rajah O' Hara e Roxxxy Andrews, que fizeram sucesso no reality.   A cidade de São Paulo está prestes a receber alguns dos maiores nomes de Ru Paul´s Drag Race, do universo drag e da comunidade LGBTQIA+. Arrastando multidões por onde passa, o time encabeçado por Alaska Thunderfuck e Kylie Sonique – vencedoras da segunda e a sexta (última) temporada da edição All Stars de RuPaul´s Drag Race – chegam à capital paulista para apresentação única. Além das campeãs, nomes inesquecíveis como Jujubee, Trinity K Bonet, Denali Foxx, Rajah O' Hara, Tatianna e Roxxxy Andrews, trazem ao Brasil toda energia e performances conhecidas no programa. As apresentações acontecem no The Realness Festival, que promete ser o maior festival drag da América Latina, que acontece na Audio, no dia 13 de agosto de 2022. Os ingressos já estão à venda. F

Papo Sobre Cinema!

Fonte: Pin.it.com    "Obrigado Chadwick pelo o que fez por nós!" Disse uma mulher Negra emocionada enquanto o abraçava em um programa de TV que colocou o ator atrás de um cartaz do filme Pantera Negra.      Que tal um papo diferente nesse fim de mês?      Vamos falar sobre representatividade, acho que vocês já estão prontos para essa conversa, se não estão geralmente é porque são Homens Héteros Cis e Brancos e nesse caso, bem, leia mesmo porque você precisa até mais que os outros consumir esse tipo de conteúdo, hahahaha...      Antes de chegarmos na Representatividade precisamos primeiro entender outras duas coisas, primeiro a 7ª arte, para fazer cinema e Tv é preciso saber que você precisa provocar reações visuais e auditivas para então criar um sentimento no seu público e tudo isso é feito de acordo com sua intenção, com os signos que você escolhe usar, a sua visão deve cativar a atenção do público e no começo era menos complexo, bora de exemplo:      Em 1896 os irm