Pular para o conteúdo principal

Postagens

.

.

Assista nossa Transmissão ao vivo aqui, clicando no Player. Atualize sua página se for necessário.

Audiência

.

.

Fale conosco, estamos on-line!

.


PLAYER / PROGRAMAS E VÍDEOS CLIPS - DESTAQUES

.

Tradutor

.

Pesquise aqui seus interesses.

.

Ligue ao vivo em nossa rádio e fale conosco.

Reprises

Siga nossa rádio.

Curta nossa Página no Facebook.

Refestelado

Borboletas pousaram nos meus pensamentos Ao acordar pelo bater das asas, Pelo pousar de seus agitados momentos. Desfez-se em ilusões de velhas casas. Com seus tijolos já gastos... Com seus amargores ali implantados Pelas raízes que foram construídas. Com o nascer de hábitos mal criados... Agora perdeu-se em tristes ruínas. Em choros ditos e mofados, Em canções não terminadas Em longos bate papos desbravados. Em discussões acaloradas. Sigo-me em linha reta... Sem tropeçar em dores. Recarrego as lembranças diretas, Alucino em um banho de rosas em amores... No vai e vem do amor, Sou eu jardim que despetalou. A ânsia de beber em espirais, As alegrias dos tristes carnavais.

Compartilhe nossos artigos e matérias em suas redes sociais.